Os perigos da entrada de refugiados na Europa e consequentemente em Portugal, Alguém pensa nisso?

0

Os refugiados a entrar na Europa são um assunto muito falado nos últimos dias, sendo também um assunto a ser tratado pelos governantes dos países da CEE, mas será que está a ser bem analisado o problema? Será que a melhor forma de os ajudar é trazer-los para a Europa, que tem uma política de fronteiras abertas com livre circulação de pessoas e mercadorias?

A entrada de milhares de refugiados diariamente não poderá acarretar problemas graves para os países pertencentes à União Europeia?

refugiados

A ajuda a estas pessoas é um dever cívico dos países mais desenvolvidos, mas o certo é que abrir portas a pessoas que não sabemos os ideais torna-se muito perigoso. Não somos contra a ajuda a quem precisa, mas quem nos garante que no meio dos milhares de Sirios que entraram no espaço Schengen e continuam a entrar, não existem radicalistas que se vão abancar na Europa e e desde dentro fazer das deles? Recorda a noticia que publicamos há pouco mais de 1 mês: Estado Islâmic0 pretende controlar Portugal e Espanha até ao ano 2020 que foi tomada um pouco com humor?

Pois bem, com a entrada de milhares de refugiados diariamente, rapidamente vão atingir milhões e desde dentro da Europa não se sabe o que podem fazer.

Não queremos criar alarmismos, no entanto no meio de tantas pessoas certamente existem pessoas boas e pessoas más, pessoas que querem fugir de conflitos, mas também pessoas que pode ter outros interesses. A Europa sofre atualmente uma crise económica como nunca sofreu, o mercado de trabalho está fragilizado, os níveis de desemprego na maioria dos países da zona Euro estão muito elevados, o que vai acontecer às milhares de pessoas que vem para cá sem nada e tem que começar do zero porque abandonaram tudo no seu país? Se já existem milhões de pessoas desempregadas na Europa como é possível sustentar esses refugiados nos nossos países? Será essa a melhor solução?

A caridade é muito importante, mas é necessário ter atenção a como é feita e pensar em soluções a médio e longo prazo, não é só deixar entrar, dar alojamento e comida sem pensar no futuro.

Ficamos com a esperança de que sejam maioritariamente pessoas de bem e que não causem problemas a quem lhes estendeu a mão!

You might also like More from author